Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos e Descontos

Autora esporádica de contos e descontos escritos a tempo inteiro

Autora esporádica de contos e descontos escritos a tempo inteiro

Contos e Descontos

23
Set19

15 segundos apenas

Rita Pirolita

 

Já não via uma coisa tão boa desde há muito e não estou a falar da bebida que nem provei, não fui criada com refrigerantes de nenhuma espécie, com muito ou pouco açúcar, com sabores, com ou sem bolhas, nada, este corpinho parece um santuário sem fieis, mas hoje não escrevo para elogiar o meu corpo que nunca sofreu os efeitos nocivos da bebida.
 
Só quero dar os parabéns a quem quer que seja, que recuperou o ambiente dos anúncios que me marcaram. Basta apresentar o produto na sua plenitude, um copo a escorrer gotículas de frescura, pedras de gelo a roçarem-se umas nas outras, o liquido explode num orgasmo da lata suada, tudo acompanhado por um jingle de 15 segundos suficientes para pôr o coração a bater, pensar que tenho 16 anos, sou magra, muito gira e estou a dançar no Fame de sapatilhas AllStar, numa sala com bola de vidrinhos ao som desta explosão de bom gosto.
 
Desculpem, isto é muito devaneio para uns meros segundos de publicidade a uma bebida que é uma merda e faz tanto mal mas acho que são os 15 segundos mais bem conseguidos dos últimos tempos, sem gente desnudada, escalifrada da cocaína e feliz que até dói. 

São segundos de puro produto e prazer. 

Estou quase a acreditar que o melhor uso para esta bebida não é desentupir canos.  
 
Era só isto e digam lá se não é fantástico, ser feliz em tão pouco tempo, 15 segundos apenas?...
16
Mai19

Bibelôs e afins

Rita Pirolita
Digo eu que os bibelôs servem para fazer monte mas há quem os exponha religiosamente, à mercê de uma pasta de humidade e pó, que dá uma tonalidade baça no geral e escura nos interstícios. 

Dispostos em prateleiras e prateleirinhas, servem para recordar quem os ofereceu e em que data, quando algum se escapa das mãos e parte, a cola pespega, e a disposição de acaso apenas aparente, volta a ser respeitada, por tamanhos, cores e origem. 
Às vezes lá se perde um dedo minúsculo de uma bailarina ou uma pétala de flor que a bucólica menina cheira ou até uma asa de uma andorinha, mas não é por isso que ninguém deixa de dançar, cheirar ou voar. 

Os bibelôs pertencem todos à mesma classe de especados, que não fazem nada e servem para muito menos, podemos por isso ter em saudável convívio uma Notre Dame de Lourdes, que o tio emigrado trouxe de uma peregrinação ao santuário, vira-se a santa de pernas para o ar e chama-se Made in China, na melhor das hipóteses diz Limoges, estava eu a escrever, que a religião convive bem com uma folha de couve do Bordalo, um manguito do Zé Povinho ou mesmo uma lagosta a marinhar chaminé acima. 
 
Jarras de vidro grosso, em casas onde não há dinheiro para flores todos os dias, sempre podem servir para matar algum meliante que queira forçar a entrada no doce lar.
Fruteiras de uma vida inteira, sem nunca terem levado com fruta lá dentro, jazem esquecidas em cima de frigoríficos ruidosos com 30 ou mais anos, que as coisas dantes eram feitas para durar, assentes em pequena peça de crochet de linha número zero, que mais parece renda de bilros, amarelinhos e tesos da peganhenta gordura de anos consecutivos de frituras.
 
Pechiché, faz-me lembrar coisa mal cheirosa, pode congestionar ou esconder-se no lusco-fusco de um hall minúsculo, à espera que alguém marre com ele ou parta o dedo pequeno do pé, nas salientes patas de leão, como também pode fazer parte do conjunto de quarto, com espelho de painel triplo em forma de vieira de Vénus de Milo.
 
Que mais posso acrescentar sobre estes apêndices, perfeitamente dispensáveis num lar?... 
As passadeiras, tapetes e tapetinhos, mandam velhos todos os dias para o hospital com cabeças rachadas, as banheiras partem fémures e bacias e matam entre três a sete dias, qualquer um com mais de 80 anos...
 
Ainda bem que o IKEA nos veio mostrar a inutilidade do supérfluo e a necessidade dos senhores que montam as coisas!  

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub