Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos e Descontos

Autora esporádica de contos e descontos escritos a tempo inteiro

Autora esporádica de contos e descontos escritos a tempo inteiro

Contos e Descontos

08
Ago20

Depois dos 40 não há ternura

Rita Pirolita

Não, não vou falar daquele cantor que não matou a mulher que não se suicidou.

Só comecei com esta paneleirice dos cremes aos 40.

Gastamos rios de dinheiro por ano e nunca saberemos se cumpriram o propósito descrito na embalagem.

Nenhuma de nós sabe como estará daqui a 10 anos se não usar cremes, se calhar estaremos na mesma, melhor, pior mas ninguém quer arriscar porque o tempo não volta para trás e não dá para pôr os cremes todos de 10 anos num só dia, pelo sim pelo não fazem-se plásticas.
Eu sei que um dia e vai acontecer numa noite, vou acordar com olheiras, com as mamocas descaídas até ao joelho e com as nádegas quase a tocar a região poplitea.
04
Ago20

Quinto dos Infernos

Rita Pirolita
Estou constantemente a apanhar com velhos que se atiram para a estrada no preciso momento em que vou a passar com o carro, vá lá que vou a baixa velocidade.
Não havendo nenhum carro a circular no estacionamento num raio de 100 metros, escolhem a passagem do meu bolinhas, espero que não andem propositadamente à minha cata para se precipitarem para fora do passeio e atravessarem de cabeça a abrir caminho no ar, parece que lhes pesam os cornos ou as preocupações, esquecem a marreca e a prótese na anca e lá vão eles em tesura típica de velhos marretas!
Será que o perigo os arrebita e lhes dá corda aos sapatos?...
Estou mesmo a ver aqueles pensamentos malucos como se fossem filhos de primos direitos do Alzheimer, cheios de ácido úrico e gorduroso colesterol: 
'Ah vou-me atirar para a frente deste carro para pregar um grande susto e darem conta que existo, pode ser que assim aprendam a ter respeito pelos mais velhos e se morrer nunca fico com as culpas, tenho sempre razão e a última palavra é minha nem que seja um suspiro expirado de Ai Ui!' 
PORRA para a velhada que só me dá cabo da paciência, qualquer dia começo mesmo a passá-los a ferro para ficarem com menos rugas e irem com bom aspecto para o quinto dos Infernos!
01
Fev20

A longevidade dos velhos

Rita Pirolita
A longevidade dos massacrados impressiona-me mas faz sentido, se resistiram ao sofrimento a ponto de sobreviverem é porque estavam destinados a ser mais fortes ou aí se tornaram mais resistentes para chegar muitas vezes perto ou mesmo ultrapassar os 100 anos. Como sobrevivem as mães de filhos mortos em atentados? Não deitam por todos os poros que têm no corpo, uma raiva e revolta que cala os gritos por impotência de contrariar a maré e trazer de volta os filhos mártires???
Pessoas com 90 anos, deixaram de fumar há 2 porque a reforma já não dava para o vício e vê-se que ainda estão ali para as curvas!...
Dizem que se não tivermos muitas flutuações na nossa vida, de local, de alimentação e talvez quem sabe de preocupações e com uma grande ajuda genética podemos viver para lá dos 100. 
Pessoas que rezam e têm muita , não têm rugas e parece que andam tanto tempo que até elas próprias pedem para ir embora porque acham que estão a roubar tempo de vida a outros e não é justo uns viverem até tão tarde e outros morrerem tão cedo.
Aqueles que se queixam de todas as doenças, nunca mais morrem e dão cabo da cabeça a quem os acompanha dia sim dia nãàs urgências do hospital. 
Os velhos velhacos por menos que durem parece que andam a atazanar meio mundo faz uma eternidade.
Já que Deus não existe para fazer justiça, gosto de acreditar que a bondade e o sorriso ajudam na longevidade e que os maus passam rápido por este mundo...mas na realidade os maus duram demais e os bons gozam sempre vida curta.
29
Nov19

Mete nojo aos cães

Rita Pirolita

A única coisa proveitosa que a idade me tem trazido é uma capacidade galopante de ver coisas estúpidas em tudo, de fazer piada de quase tudo, de me rir da palerma que sou em levar a sério o que é passageiro e finito, a vidinha, ela própria!!! Essa bitch, que de resto com a idade só me vai trazendo num crescendo massacrante, desgostos em forma de dores nas costas, joelhos e ancas, incontinência, rugas, mamas e nádegas descaidas e moles e por ai fora numa lista interminável de decadência.
 
Digam lá se o melhor remédio não é rir e deitar o mau aspecto que cada vez mete mais nojo aos cães, para trás das costas?!
21
Mai19

Tempo

Rita Pirolita
 
 

 

O tempo não volta para trás por mais que se cante, não estica para os lados, para cima ou para baixo, não é nosso por isso não se dá, não se tira e não se partilha, muito menos se vende ou tem preço.

Sentimos a passagem do tempo nas rugas e nas recordações.

O tempo de cada um termina na morte.

As marcas do tempo não se apagam nem com a maior borracha do mundo.

Não temos noção do tempo mas sim a ilusão de o medir, controlar e aprisionar. 

O tempo passa e não fica, será espiral, continuo ou interrompido pulsado?

Se pára, o que pára com ele? Se tudo pára, ele é o Rei do Universo? Se não pára, o espaço ganha tempo e o tempo passa a ocupar espaço? 

O tempo não se deixa enganar ou roubar.

O tempo não se guarda no bolso para mais tarde recordar.

O tempo parece que pára quando amamos e corroí quando esperamos abandonados.

O tempo impõe respeito e não liga a faltas de respeito de quem fala dele quando não tem mais nada para dizer! 

O tempo não se esgota, nós é que não o aproveitamos.

O tempo não se perde, nós é que não o encontramos.

O tempo não corre, nós é que não temos pernas para o alcançar.

O tempo não foge, é que não temos mãos para o agarrar

Correr contra o tempo é batalha perdida à nascença.

Transporte no tempo...não comboio que aguente.

O tempo não pára nos relógios avariados.

Só estamos certos quando dizemos que não temos (o) tempo...porque até a falta dele inventamos!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub