Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos e Descontos

Autora esporádica de contos e descontos escritos a tempo inteiro

Autora esporádica de contos e descontos escritos a tempo inteiro

Contos e Descontos

22
Jun20

Mormo e húmido

Rita Pirolita
De jantar em jantar lá vou reencontrando amigos envelhecidos e mudados e conhecendo melhor, conhecidos de conhecidos a quem me dera muitas vezes não ter conhecido!

Num jantar que se deu, nada espontâneo, marcadíssimo, com hora de entrada e sem hora de saída, lá aparecemos com vinho e bolinhos de côco. 

Alguém se fez princesa com ar a condizer mas sem qualquer condição de o ser, abancou peida, fez-se de desentendida do trabalho que dá receber e esperou a toda a hora ser servida.

Entre tudo o que estava bom, nada estava mau e conversou-se até altas horas, até às despedidas tudo correu em morno lume de discussão. 

O príncipe da princesa era fanhoso que doía, passei o jantar todo a desentender o que dizia, por falta de vontade e desinteresse natural, que pessoas sem vales ou curvas na alma me provocam, rectas de sono que me dão! 

A princesa disse todas as barbaridades que lhe brotaram do tutano, convencida da sua realeza, vivida em reino de casinhas para alugar na capital! 

Desfilaram a sua vida desimportante, duas gentes acasaladas, não querendo eu saber de quem nasceram, era importante não perpetuarem continuação, e assim eram sem filhos, dedicavam-se a uma vida de jejum e dieta, sem carbes, para ele de pele esverdeada, o glúten era veneno, para ela de cara vermelha de quem tem coração que vai rebentar a qualquer momento, uma dieta com 60% de gordura, era coisa de experimentar, porque naquela pobre cabeça, não entupia veias, pelo contrário, oleava tudo!

 

Estive o jantar todo a dedicar-me às pessoas que me diziam mais um pouco que os principescos sapos e quando já estava no limite de começar a lançar caralhadas para pegar fogo de uma vez ao palácio, saí-me com a desculpa meia verdadeira, das saudades do cão que tinha deixado em casa, duas ruas abaixo. 

Despedi-me com vontade nenhuma de voltar a tocar bochechas mormas e húmidas, aos que gosto dei abraço apertado de até breve!

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub