Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos e Descontos

Autora esporádica de contos e descontos escritos a tempo inteiro

Autora esporádica de contos e descontos escritos a tempo inteiro

Contos e Descontos

06
Ago20

Natalidade, retornados e refugiados

Rita Pirolita


Somos o quinto pais do mundo com o mais baixo índice de natalidade, fiquem descansados, Portugal nunca vai ser nem um deserto nem um paraíso. 
Os que emigraram são mais que as mães e vão ter filhos para outra terra, os refugiados não querem vir para Portugal porque estão fartos de caminhar, os poucos que chegam é porque os foram lá buscar para o país receber a quantia da UE por cabeça ou pensavam que o nosso governo estava interessado em ajudá-los com discursos humanistas?!...
Mesmo assim podíamos estar pior em termos de população, muitos retornados vieram das ex-colónias, não regressaram para África porque a segurança não era nenhuma e porque os pretos não queriam ser escravos. Depois dizem que ficaram com muitas saudades do cheiro de África, não deve ter sido do cheiro a catinga
Ainda a classe dos retornados finos e mais espertos que os outros, os que vieram antes da Revolução, porque lhes apeteceu.
Todos fugiram de lá com algum buraco apertado

Alguns tiveram tempo de trazer diplomas e carimbos, pelo caminho tiraram cursos, treinaram o paleio e quando chegaram a Portugal tiveram prioridade de entrada em cargos públicos, bué porreiro para eles, os outros que já cá estavam é que se lixaram!
Todos os outros retornados que ficaram sem nada, a minha solidariedade e espero que tenham reconstruido a vida. 
A minha solidariedade também para os soldados que perderam a vida no Ultramar, todos eram pobres, os que tinham dinheiro fugiram para França e mesmo assim não aprenderam a falar bem francês
Calha sempre aos mesmos.
Vamos lá voltar à questão da demografia.  
O grupo mais dotado para contribuir para o aumento de nascimentos é a Opus Dei, gostam de famílias numerosas e têm dinheiro para sustentar rebanhos de filhos, portanto meus amigos vamos lá a manter o nível de qualidade a que nos habituaram. 
Os tugas não são burros, aprenderam rápido a fazer um bom planeamento familiar, o que quer dizer ter os filhos que se pode criar e não os que se deseja. 
Quase todos os casais estão desempregados, o apoio ao nascimento é uma miséria, os poucos putos que nascem são filhos únicos ou de casais que a curto prazo se vão divorciar.  
Ninguém vai usar licenças de maternidade. 
As mães desempregadas não vão arranjar trabalho se tiverem putos nos braços, as poucas que estão a trabalhar perdem o emprego assim que engravidarem. 
Vamos ter filhos para aumentar as listas de desempregados e emigrantes
Mesmo que produzam alguma riqueza os descontos nunca pagarão as suas reformas.
Este país está um caco!!!
Paguem bem como na Alemanha a alguns refugiados, para nos sentirmos bem a abrir os braços a coitadinhos e no cumprimento do dever, nós que nos vangloriamos de sermos tão acolhedores!
Estar desempregado e viver da caridade comparado com o tio de onde vêm, é uma dádiva de Deus, Alá e Rá.
 
 
03
Jul19

Embaixadora da Má Vontade

Rita Pirolita


Olá Caty Furté, escrevo esta carta para te dizer que como Embaixadora da Boa Vontade ainda não vi resultados, não sei nem o que isso é, como o Património Imaterial da Humanidade, que não se vê! 
Que faria se fosses Embaixadora da Má Vontade?!...

Gosto muito de ver a tua figura elegante de camisa branca imaculada, calças à caçadora de elefantes, no meio das lindas paisagens africanas e dos pretinhos com a tua melosa voz que mais parece um doce mamar, pões emoção ao falar das condições precárias em que vivem, apelas aos nossos cordões...desculpa, corações. 

Não pensem que eu não gosto de ajudar, gosto e sinto-me responsável por tudo um pouco que acontece no mundo, todos podemos contribuir para o bem ou para o mal! 
Aqui a questão é? 
Quanto ganha a menina Caty e sua equipa de filmagem por sessão, a mostrar moscas na boca de desgraçados? Pelo menos 5 dígitos, só ela! Onde toma banhinho, dorme e come? Numa cubata? Não me parece! 

Fazendo as contas, pagar a estes marmanjos todos não é como ir comprar um pacote de leite à mercearia da esquina. 
Vou dar uma sugestão, acredito que já apanharam na moleirinha muito sol africano que é bué forte e o vosso discernimento ficou seriamente comprometido. 

Ora vamos lá...
O dinheiro todo que gastam em viagens, refeições, alojamento e ordenados podiam doar para ajudar por exemplo, na construção de uma escola, até acredito que pelo cambio africano dava quase para construir uma aldeia inteira mas a minha sugestão nem passa por irem todos para lá, cheirar o cu uns aos outros, por isso esqueçam!

No fundo Caty, a minha ideia é, vais tu ou mandas alguém, porque quem quer que vá tem que pagar do seu bolso ou arranjar patrocínio para a viagem e aqui é que a ideia tem o seu cerne. 
Catyzinha, do pouco ou muito dinheiro que já ganhaste na tua vida de apresentadora de tudo, pelo menos gasta uns cêntimos mais IVA e telefona para a Go-Pro. 
Diz aos gajos que queres ir a África filmar com as suas câmaras à prova de tudo, até de pobreza, a MISÉRIA em que vivem. 
Vão ficar logo interessados e até te oferecem para o trabalhinho para aí umas três câmaras, com sorte ainda pagam a viagem e dão um vale por dia para uma sopa e sandocha. Colocas as câmaras todas na cabeça, assim nunca corres o risco de ser confundida com um animal selvagem que pode ter dois ou um corno, não, não é um unicórnio, que em África está extinto há muito, tu vais andar a passear com três cornichos!!! 

Apanhas o aviãozinho e quando lá chegares vais logo ter com o presidente que normalmente é um ditador mas não fiques chocada, finge que não sabes de nada e com essa carinha laroca arranjas logo lugar na sua preenchida agenda. 
Tens que vestir a capa de agente secreto em missão Gorongosa...ai desculpa, perigosa. 
Vais filmar o dia-a-dia do senhor, a noite não nos interessa, tu é que sabes o que andas a fazer com o teu corpo e como mulher independente que és, não temos nada a ver com isso. 

Passada para aí uma semana, vais para o campo e mostras às 'pessoas de cor', a riqueza em que vive o seu presidente, o pessoal espalha a palavra, faz uma revolução, toma de assalto as contas bancárias do ricalhaço, distribui por todos e toda a minha gente passa a viver melhor!!! 
Um final feliz não é?! Até dá vontade de chorar!

Resolveste a situação, não precisaste de pedir dinheiro a ninguém e passas 'pela heroína', não vais é ganhar nada mas isso para ti é 'peanuts', né?! 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub